POST-11: DOS SONHOS DE PIÁ À DOCÊNCIA NA PÓS-GRADUAÇÃO UTFPR


Este é um Artigo de Opinião , também publicado em nosso querido Departamento de Engenharia Mecânica da UFSC, em Florianópolis. Link aqui:

http://emc.ufsc.br/portal/2020/11/dos-sonhos-de-pia-a-docencia-na-pos-graduacao-utfpr/



Eis que neste mês de novembro começou mais um belo ciclo desta belíssima oportunidade de participar como docente da Pós-Graduação da UTFPR (Universidade Técnica Federal do Paraná), ciclo este que em vista do pandemônio que vive o planeta, a Universidade se adapta (nós também) lançando uma turma 100% on-line. A Pós-Graduação em Engenharia Automotiva segue adiante, com uma equipe preparadíssima para o novo desafio.


Nesta Pós, o corpo docente é formado por Professores da: UTFPR + Indústria + Motorsport. Assim, temos sólida fundamentação teórica, casos reais de campo/indústria e os limites ao qual o Motorsport exige. Full pack!

Pelo que pudemos constatar, temos 45 brilhantes alunos, participando de várias regiões do país. Engenheiras e Engenheiros, perfis acadêmicos, indústria, aeronáutica, eletricistas, controle/automação, mecânicos, mecatrônicos e por aí vai. Eclético. Um timaço.


Nestas quase 2 décadas morando em Curitiba, somente o primeiro ano “escapou” sem que eu tivesse lecionado. Assim, neste décimo sétimo ano como engenheiro-professor-empreendedor, começo tão entusiasmado como se fosse o primeiro!

O entusiasmo é algo que nos move, nos inspira, nos guia, nos faz ser o que somos, nos traz boas noites de sono (gosto de polissíndetos).


O legal disso é que o entusiasmo te impulsiona e encoraja. Desta forma, ele o faz com quem conosco junto segue! Entra ano e sai ano, novas amizades (se virou aluno, bingo, já virou mais um amigo), novas experiências, novos horizontes. Cada ano é especial, cada turma é especial, cada aula é um momento impar de celebrar o conhecimento e compartilhar essa merrequinha que sabemos para com o time todo!


E foi assim, ano após ano, turma após turma, e muitas pessoas das quais eu havia ouvido falar (tipo os caras da F-1, os pilotos de arrancada, os Profes Mega-Tocha das Galáxia) hoje, fazem parte do nosso dia-a-dia, como as da foto.



Da esquerda para a direita, Prof. Jorge Riechi (coordenador do Curso de Engenharia Mecânica na UTFPR), Prof. Rodolfo “Lolo” Perdomo – Ex-Jordan F-1 (Universidade Tuiutí do Paraná) e Prof. Lodetti.



Como empreendedor, através dos cursos particulares de Performance de Motores, Motores Turbo e Tecnologias Diesel, venho sendo agraciado com a presença de outros que também, só tinha ouvido falar na TV. Volvo, BOSCH, Renault, CNH,DAF, Denso, UTFPR, UFPR, UFSC entre tantas outras belas siglas, tem vindo unir-se às belas discussões de sábado. #Gratidão!



Da esquerda para a direita, Professor-inventor-empreendedor-piloto de Kombi V8 Renato Pompeu, o Mestre-Jedi dos escapamentos Marcelo Gerey e o Prof. Lodetti.


E tudo começou com um sonho de piá


Ainda piá, lá no Turvo-SC, assistia o Piquet na F-1 contra o Prost e depois o Mansell. Andava de BMX Pantera imitando o Senna com a bandeira do Brasil na mão, sem falar no Emerson levando a Indy 500 na dramática edição de 1989!

Quando voltava pra casa, tentava traduzir em desenhos, rabiscos, etc (imagens abaixo).


Dos rabiscos veio o entusiasmo, veio a coragem, veio a perseverança, veio a fé, veio o foco, vieram as oportunidades.



Protótipo B.O.X. 112. com motor V-16 e 680hp. Voava baixo"



Nosso Maverick V8 de corrida. O carro existiu, mas na versão "civil"!



Busque seus sonhos. Viva seus sonhos. Compartilhe seus sonhos.


Julio Lodetti

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2020 Professor Julio Lodetti